EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Reunião entre Obama e republicanos sem avanços para o Supremo

Reunião entre Obama e republicanos sem avanços para o Supremo
Direitos de autor 
De  Rodrigo Barbosa com EFE / REUTERS
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Sem surpresas, a reunião entre Barack Obama e vários senadores republicanos para tentar aproximar posições acerca do nome do juiz que será proposto

PUBLICIDADE

Sem surpresas, a reunião entre Barack Obama e vários senadores republicanos para tentar aproximar posições acerca do nome do juiz que será proposto pelo presidente democrata para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos foi curta e sem resultados.

O encontro estava condenado ao fracasso de antemão, já que o líder republicano no Senado, Mitch McConnell, tinha indicado, num artigo publicado na manhã desta terça-feira que não é Obama quem deve escolher o sucessor do falecido juiz Antonin Scalia e que a tarefa deverá ser atribuída ao próximo ocupante da Casa Branca, saído das eleições de novembro.

Falecido a 13 de fevereiro, Scalia era um dos mais conservadores juízes do Supremo Tribunal.

Obama ainda não avançou nomes, mas os republicanos temem a escolha de um moderado que faça pender a instância a favor dos democratas. Com a morte de Scalia, o Supremo encontra-se atualmente divido, com quatro juízes favoráveis à administração e quatro conservadores.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Houthis reivindicam ataques a contratorpedeiro dos EUA e a dois navios petroleiros

Análise: navios russos enviados para Cuba são uma "demonstração de força" de Putin

Jornalista norte-americano Evan Gershkovich vai ser julgado na Rússia por espionagem