Último MNE de Mubarak eleito secretário-geral da Liga Árabe

Último MNE de Mubarak eleito secretário-geral da Liga Árabe
De  João Peseiro Monteiro com AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Aboul Gheit é o novo secretário-geral da Liga Árabe. O antigo chefe da diplomacia egípcia, de 73 anos, foi eleito para o mandato quinquenal apesar

PUBLICIDADE

Aboul Gheit é o novo secretário-geral da Liga Árabe. O antigo chefe da diplomacia egípcia, de 73 anos, foi eleito para o mandato quinquenal apesar das reticências do Qatar.

A organização com sede no Cairo reúne 22 países e, tradicionalmente, a condução dos trabalhos está a cargo de um diplomata da casa. Aboul Gheit foi ministro dos Negócios Estrangeiros (MNE) do Egito entre 2004 e a revolução que destronou o presidente Hosni Mubarak, em 2011.

eNCA | Egypt diplomat Abul Gheit named Arab League chief https://t.co/aILjZbgXtV#ENCA#Africa

— AfricaMediaNetwork (@AfricaMedia54) 11 de março de 2016

O secretário-geral eleito vai suceder em julho ao compatriota Nabil Elaraby que recusou cumprir um, também habitual, segundo mandato à frente da Liga Árabe.

Aboul Gheit enfrenta grandes desafios. As guerras na Síria, no Iraque e no Iémen dividem os países árabes que, por outro lado, se veem confrontados pelo Irão no xadrez regional.

Como explica o correspondente da euronews na capital egípcia, Mohammed Shaikhibrahim, além dos dossiers complicados que o próximo secretário-geral terá de gerir, a tarefa mais difícil de Aboul Gheit passa por “construir consensos para que as decisões comuns possam ser aplicadas no terreno.”

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Síria regressa à Liga Árabe

Colonos israelitas queimam aldeia na Cisjordânia. Joe Biden avisa Irão para não “se atrever”

Israel aceita proposta de cessar-fogo e aguarda resposta do Hamas