EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Israel expande colonato de Hebron

Israel expande colonato de Hebron
Direitos de autor 
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

É a primeira expansão em mais de dez anos. A cidade é sagrada para muçulmanos e judeus.

PUBLICIDADE

Israel autorizou a expansão do colonato judeu de Hebron, na Cisjordânia. As novas casas vão ser construídas no coração da cidade, nos terrenos de uma base militar israelita.

A decisão promete reavivar as tensões entre os cerca de mil colonos judeus e os cerca de dez mil palestinianos que vivem em Hebron.

Embora os judeus já vivessem nesta cidade antes da criação de Israel, só em 1979 começaram a ser construídos colonatos e esta é a primeira expansão em mais de dez anos.

Opinion: An Israeli provocation in Hebron https://t.co/qcsmwiZlVSpic.twitter.com/0Cs6aUH4cS

— Haaretz.com (@haaretzcom) August 22, 2016

Hagit Ofran, da ONG Peace Now, contesta a decisão: “O governo de Netaqnyhu decidiu expandir o colonato no coração de Hebron, que é já um dos mais importantes e mais controversos. Fazem isso contornando a lei, construindo no recinto de uma base militar, algo sem precedentes. Não é bom para Israel nem para o futuro da solução de dois Estados”.

O caso de Hebron é especial, dentro da Cisjordânia. Ao contrário de outros locais dos territórios palestinianos, esta é uma cidade onde os judeus têm raízes históricas e onde fica o Túmulo dos Patriarcas, um dos locais mais sagrados quer para judeus, quer para muçulmanos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Sirenes soam em Telavive pela primeira vez em meses, depois do Hamas ter disparado rockets

Ministro israelita das Comunicações ordena a devolução do equipamento de vídeo apreendido à AP

Netanyahu critica mandado de captura do TPI como "o novo antissemitismo"