Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Venezuela: Multidões mobilizadas contra e a favor de Maduro

Venezuela: Multidões mobilizadas contra e a favor de Maduro
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas protestaram novamente contra e a favor do presidente da Venezuela.

Mas desta vez a oposição não conseguiu mobilizar cerca de um milhão de pessoas nas ruas, embora a contestação se tenha desenrolado em diversas cidades.

“O povo venezuelano quer revogar este governo, quer revogar a fome, quer revogar a miséria. Queremos revogar a insegurança e a desigualdade”, diz uma manifestante.

Lilian Tintori, mulher do líder da oposição, Leopoldo Lopez, detido, também esteve nas ruas.

“De forma organizada, pacífica e constitucional, nós vamos conseguir a mudança. E a mudança deve ser feita com o referendo da revogação presidencial porque é o nosso direito constitucional”, declarou a uma multidão.

A chuva e a necessidade de estarem nas filas dos supermercados para comprar bens de primeira necessidade terão sido motivos para a menor mobilização, em relação à semana passada.

Mas nas ruas não estiveram apenas membros da oposição. Apoiantes do presidente Nicolas Maduro também se fizeram sentir.

“Eu apoio o presidente porque não podemos regressar ao passado com estas pessoas que não querem nada de bom para o nosso povo”, responde uma mulher.

A oposição pediu ao Conselho Nacional Eleitoral para permitir a recolha, nos dias 17 e 19, das assinaturas e impressões digitais necessárias para ativar o referendo revogatório presidencial.