EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Grécia: Campo de refugiados é atacado a cocktails molotov

Grécia: Campo de refugiados é atacado a cocktails molotov
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Pelo terceiro dia consecutivo, repetem-se os confrontos entre refugiados e moradores da ilha grega de Quíos.

PUBLICIDADE

Pelo terceiro dia consecutivo, repetem-se os confrontos entre refugiados e moradores da ilha grega de Quíos. A tensão acabou em violência: um sírio ficou gravemente ferido na cabeça, esta sexta-feira. No campo de refugiados de Suda, vivem 800 migrantes, mas no total, na ilha de Quíos vivem cerca de 4 mil.

Já na quinta-feira , dois grupos de migrantes invadiram lojas e roubaram fogos de artifícios. Logo depois atiraram os artefactos contra carros e casas próximas ao campo. Na madrugada desta sexta surgiu a resposta. Um refugiado explicou que foram “lançados dois cocktails molotov. São muito perigosos para as pessoas. Viemos para este restaurante porque a situação é muito difícil dentro do campo”. Vários artefatos foram lançados contra o campo de refugiados e dois voluntários ficaram feridos.

De acordo com a polícia, a tensão está a tornar-se cada vez mais difícil de controlar uma vez que várias organizações de extrema-direita estão a tentar aproveitar-se da fúria dos habitantes. Aliás, a imprensa grega fiz mesmo que militantes radicais de direita foram os autores destas represálias no campo de Suda.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

MSF acusa Grécia de fazer expulsões abusivas de migrantes

Nova tragédia em dois naufrágios de barcos a caminho da Grécia

Polícia grega salva 20 migrantes e prende contrabandistas