EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Israel: contrato naval com a Alemanha vai ser investigado

Israel: contrato naval com a Alemanha vai ser investigado
Direitos de autor 
De  Rodrigo Barbosa com REUTERS
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O procurador-geral de Israel ordenou a investigação de um acordo concluído entre o governo de Benjamin Netanyahu e a Alemanha para a compra de três submarinos e outro equipamento…

PUBLICIDADE

O procurador-geral de Israel ordenou a investigação de um acordo concluído entre o governo de Benjamin Netanyahu e a Alemanha para a compra de três submarinos e outro equipamento naval.

O caso suscitou o interesse da Justiça, depois de se ter descoberto que David Shimron, o advogado pessoal do primeiro-ministro israelita, é também o representante da agência local do conglomerado alemão ThyssenKrupp Marine Systems, que deverá construir os submergíveis, com um custo aproximado de mil e quinhentos milhões de dólares.

Tanto Netanyahu, como Shimron negam uma atuação inadequada e o grupo alemão diz não ter uma ligação contratual direta com o advogado, mas os críticos denunciam um sério conflito de interesses.

O ex-ministro da Defesa Moshe Yaalon, afastado do executivo por Netanyahu e atualmente um dos seus rivais políticos, afirma que os novos submarinos representam um gasto desnecessário para o Estado de Israel.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Revolta em Tel Aviv com o afastamento do chefe da polícia

Líder do Malawi pede investigação independente à morte do vice-presidente em acidente de aviação

Polícias francesa e espanhola simulam ataque terrorista em preparação para os Jogos Olímpicos