Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Cerveja belga é património imaterial da humanidade

Cerveja belga é património imaterial da humanidade
Tamanho do texto Aa Aa

Dizem que faz bem à saúde e agora a cerveja belga é Património Imaterial da Humanidade.

A UNESCO elegeu a cerveja belga por causa da “extrema diversidade naquele país e pela intensidade com que é consumida e integrada no quotidiano dos cidadãos”.

O proprietário de uma fábrica de cerveja reagiu. “Gosto em especial do facto das cervejas serem globais, universais, e unirem pessoas. Acho que foi isso convenceu a UNESCO. Para a Bélgica é bom porque coloca em destaque as nossas tradições, a nossa própria cultura que está ligada à cerveja”, diz Yvan De Baets, proprietário da ‘Brasserie de la Senne’.

Na reunião anual, realizada em Adis Abeba, na Etiópia, o Comité Intergovernamental da UNESCO também atribuiu o mesmo estatuto à rumba cubana por ser “uma expressão de autoestima e resistência”.

De facto foram seis novas nomeações, onde se incluem o novo ano persa, o Nowruz, o evento festivo Mangal Shobhajatra do Bangladeche, os 24 períodos solares chineses e a música e a dança merengue da República Dominicana.