EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Banguecoque atribui autoria de ataque em Pattani a independentistas islâmicos

Banguecoque atribui autoria de ataque em Pattani a independentistas islâmicos
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Pelo menos 60 pessoas ficaram feridas quando duas bombas explodiram num supermercado da cidade, no sul do país.

PUBLICIDADE

Com agências

A explosão de um carro armadilhado junto a um centro comercial em Pattani, no sul da Tailândia, fez pelo menos 60 feridos, 20 dos quais com gravidade.

Um porta-voz do exército tailandês diz que os autores do ataque são separatistas muçulmanos que fizeram estourar pequenos petardos, como manobra de diversão, antes de fazerem explodir o carro armadilhado estacionado junto à entrada do centro comercial.

Os militantes islamistas lutam pela criação de um Estado independente no sul do país asiático.

A Tailândia, com cerca de 68 milhões de habitante, é um país maioritariamente budista.

Anos de luta armada no sul do país são a causa de mais de 6500 mortes nos últimos 13 anos.

A maioria, etnicamente malaia e de confissão muçulmana vive nas províncias de Yala, Pattani e Narathiwat.

Os ataques têm vindo a intensificar-se este ano.Morreram seis rangers do exército tailandês num ataque, no passado mês de abril.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tailândia enfrenta problemas com macacos urbanos

Incêndio de grandes dimensões consome depósito de gás na Tailândia

Fuga dos crocodilos: Duas dezenas estão à solta na Tailândia