Morreu "pai" do urso Paddington

Morreu "pai" do urso Paddington
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Michael Bond tinha 91 anos. Morreu em Londres, vítima de uma curta doença.

PUBLICIDADE

O urso Paddington, personagem nascida na Grã-Bretanha e amada por crianças e adultos de todo o mundo, ficou órfão. Morreu Michael Bond, autor dos livros sobre este simpático ursinho, vindo do Peru e encontrado por uma família londrina num cais da estação de comboios que acabaria por lhe dar o nome. Hoje, a estação de Paddington é ponto de romaria de muitos fãs da saga, que vêm aqui ver o local onde a família Brown recolheu o ursinho, naquele que foi o início de muitas aventuras e trapalhadas.

Os onze livros, publicados entre 1958 e 1979, foram adaptados à televisão e, mais recentemente, ao cinema. A personagem deu também origem a um grande número de produtos derivados, desde bonecos de peluche a todo o tipo de objetos.

Michael Bond tinha 91 anos. Morreu em Londres, vítima de uma curta doença.

Today is a very sad day. Michael Bond CBE will be missed by many. pic.twitter.com/ZoCb5sU2V9

— Paddington (@paddingtonbear) June 28, 2017

I was quite surprised at how difficult it was to lift that full bucket. I hope you’re all enjoying my new trailer. #Paddington2pic.twitter.com/E4I1nNteLH

— Paddington (@paddingtonbear) May 30, 2017

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Girafa de espécie rara sai à rua pela primeira vez no Zoo de Chester

Rei Carlos III volta a aparecer em público na missa de Páscoa

Imprensa russa anuncia falsa morte do rei Carlos III