Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Reta final da visita do Papa Francisco à Colômbia

Reta final da visita do Papa Francisco à Colômbia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

De visita a Cartagena, antigo mercado de escravos na Colômbia, o Papa Francisco teve um percalço. Na passagem pelo bairro de San Francisco sofreu um pequeno golpe na cara ao cortar-se no vidro do papamóvel quando saudava uma criança.

Resolvido o problema pediu, numa oração, a bênção para todos os que ajudam os mais desfavorecidos. No terreno saudou os habitantes locais, essencialmente afro colombianos, e visitou ainda a casa de uma mulher que dá abrigo às pessoas do bairro.

Rumou depois à igreja de São Pedro Claver.

“Ainda hoje, na Colômbia e no mundo, milhões de pessoas são vendidas como escravos, ou então mendigam um pouco de humanidade, uma migalha de ternura, fazem-se ao mar ou metem-se a caminho porque perderam tudo, a começar pela sua dignidade e os seus direitos”, alertou o Sumo Pontífice.


O Papa visitou o interior da igreja do santo que foi um jesuíta espanhol e cuidava dos escravos.

Apelou também para que se rejeite todo o tipo de violência na vida política da Venezuela e se encontre uma solução para a crise.

O Papa chega esta segunda-feira a Roma.