Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Banguecoque debaixo de água

Banguecoque debaixo de água
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Inúmeras zonas da capital da Tailândia, Banguecoque, ficaram inundadas repentinamente no sábado de manhã devido as chuvas diluvianas durante a noite. De acordo com a imprensa, pelo menos 55 estradas ficaram submersas avariando veículos e provocando imensos engarrafamentos.

Muitas pontes e viadutos ficaram transformados em estacionamentos numa tentativa de motoristas colocarem os carros e motas a salvo. Foram precisas mais de seis horas para que a água recuasse nalgumas áreas.

O governador metropolitano de Banguecoque anunciou que os mais de 200 mm de chuva foram os mais intensos que a cidade assistiu em 25 anos e que saturou o sistema de drenagem da cidade. O departamento de meteorologia disse que as chuvas o aguaceiro foi devido à monção que se estendeu pela parte central do país, o que foi agravado por uma frente de alta pressão no norte da Tailândia.