Revolta dos "jordis" volta a inflamar a Catalunha

Revolta dos "jordis" volta a inflamar a Catalunha
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied
PUBLICIDADE

Depois de um protesto silencioso durante a manhã, milhares de catalães regressaram esta noite às ruas para exigir a libertação dos líderes das duas principais organizações independentistas do território. Em Barcelona, o protesto contou com a presença da presidente do parlamento regional, Carme Forcadell, e do vice-presidente do governo, Oriol Junqueras que tinham já denunciado o que consideram ser “prisioneiros políticos”.

A manifestação ocorre um dia depois de Jordi Cuixart e Jordi Sánchez, líderes das associações OMNIUM e Assembleia Nacional Catalã terem sido detidos, acusados de desobediência durante os protestos que antecederam o referendo independentista.

Uma situação que levou já o líder do governo catalão a exigir a Madrid que decida entre o diálogo e a repressão, dois dias antes de terminar o ultimato para que Barcelona clarifique se declarou ou não a independência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Sanchez recorre no Supremo para ser investido

Cinco dias que deixaram Espanha em estado de choque

Espanha vai acabar com os vistos gold para investidores imobiliários estrangeiros