Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Vulcão Agung coloca Bali em alerta máximo

Vulcão Agung coloca Bali em alerta máximo
Tamanho do texto Aa Aa

A erupção do vulcão Agung levou as autoridades da Indonésia a colocar a ilha de Bali em alerta máximo.

A projeção de lava e de fumos tóxicos a mais de três mil metros de altitude obrigou a proteção civil a ordenar a remoção de mais de 100 mil pessoas de um perímetro de segurança de 8 a 10 quilómetros em redor do vulcão.

Trata-se da primeira erupção desde há mais de meio século, quando as explosões se prolongaram por mais de um ano, provocando mais de um milhar de mortos em 1963.

O principal aeroporto de Bali foi encerrado por 24 horas, deixando bloqueados mais de 59 mil passageiros.

Segundo o porta-voz da Proteção Civil da Indonésia, Sutopo Yuwono: "As nossas equipas vão prosseguir as buscas nas aldeias situadas nas zonas de perigo para coordenar e mesmo forçar a evacuação destas áreas. Desde dia 25 que as pessoas mais inquietas já foram removidas para abrigos".

Com o encerramento do aeroporto, os voos estão agora a ser desviados para a ilha de Java e para Singapura.

A ilha de Bali recebe anualmente mais de 5 milhões de turistas estrangeiros.

Desde o retomar da atividade do vulcão, em Setembro, que as autoridades indonésias calculam as perdas para o turismo em mais de 1.200 milhões de euros.