EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Kremlin diz que mísseis em Kaliningrado são "questão soberana"

Kremlin diz que mísseis em Kaliningrado são "questão soberana"
Direitos de autor 
De  Rodrigo Barbosa com Reuters / EFE
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

EUA e Lituânia acusam Moscovo de destabilizar segurança europeia

PUBLICIDADE

O porta-voz do Kremlin afirmou esta terça-feira que a deslocação de armamento no território russo "é exclusivamente uma questão soberana". Uma resposta à inquietude expressa no início da semana pelos Estados Unidos e países bálticos, depois da Lituânia ter acusado a Rússia de mover para o enclave de Kaliningrado, que faz fronteira com o país e a vizinha Polónia, mísseis táticos Iskander, com capacidade nuclear.

A vice-secretária-geral da NATO, Rose Gottemoeller, frisou na segunda-feira que "é um sistema com capacidade para ogivas tanto nucleares como convencionais. Esse tipo de dupla capacidade tem impactos potenciais para a estabilidade. Por isso, é muito importante para a capacidade de previsão e estabilidade e segurança de todos que os russos sejam bastante transparentes acerca do que estão a fazer com esse sistema".

Para Vilnius, a deslocação permanente do sistema de mísseis Iskander para Kaliningrado, expandindo a sua área geográfica de ação transforma "um problema regional" num "verdadeiro problema para a NATO".

A presidente lituana, Dalia Grybauskaite, sublinhou que "isto torna a situação ainda mais séria, porque Iskanders em Kaliningrado significa perigo para metade das capitais europeias".

Os Estados Unidos também consideram que se trata de um fator destabilizador para a segurança europeia.

Moscovo já tinha qualificado a Aliança Atlântica de "bloco agressivo" e vinculou o deslocamento de armas pesadas tanto para o enclave como para a península da Crimeia com o reforço da presença militar aliada perto das fronteiras russas.

Editor de vídeo • Rodrigo Barbosa

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia testa mísseis supersónicos

Aliado de Navalny atacado com um martelo na Lituânia

Primeira-ministra da Estónia é a única chefe de Governo procurada pela Rússia