Última hora

Última hora

Chuvas fizeram 50 mortes em Moçambique

Em leitura:

Chuvas fizeram 50 mortes em Moçambique

Chuvas fizeram 50 mortes em Moçambique
Tamanho do texto Aa Aa

A época das chuvas já fez 50 v´ítimas mortais, desde outubro, em Moçambique, anunciou na quinta-feira o Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC).

A chuva intensa e ventos fortes têm motivado inundações, em especial no norte do país, a destruição de 7200 habitações e danos noutras 14 mil.

Ainda segundo a mesma entidade, 130 mil pessoas foram afetadas desde o início da estação das chuvas.

Moçambique é anualmente atingido por cheias, entre outubro e abril, em resultado da localização geográfica do país, em zona de tempestades e a jusante da maioria das bacias hidrográficas da África Austral.

No dia 19 de fevereiro, a chuva provocou o desabamento da maior lixeira da capital moçambicana, em Hulene, nos subúrbios de Maputo. O incidente matou pelo menos 14 pessoas e destruiu cinco habitações.