Última hora

Última hora

Europol: Mais de cinco mil europeus no Daesh desde 2014

Em leitura:

Europol: Mais de cinco mil europeus no Daesh desde 2014

Europol: Mais de cinco mil europeus no Daesh desde 2014
Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de cinco mil europeus, entre eles 800 dos Balcãs Ocidentais, integraram o grupo dos jiadistas do autoproclamado Estado Islâmico, conhecido como Daesh, na sigla em língua árabe, desde 2014.

A informação foi divulgada pelo Serviço Europeu de Polícia (Europol), que visa "identificar e neutralizar estas pessoas".

A Europol destacou os Balcãs Ocidentais como foco de islamistas que se unem ao Estado Islâmico. Depois da da derrota militar dos jiadistas do Daesh na Síria e no Iraque, o regresso destes cidadãos constitui uma grande ameaça para a região.

O vice-presidente da organização policial, Oldrich Martinu, os serviços de segurança europeus e os países membros da Europol concordaram em aprofundar a cooperação e partilhar mais informação.

O diretor do Serviço Europeu de Polícia, Rob Wainwright, referiu aos jornalistas que existem mais de 30 mil cidadãos europeus próximos de redes jiadistas internacionais.

Wainwright disse ainda que "as coisas não estão claras" e que "estas pessoas são influenciadas mas não estão subordinadas ao Estado Islâmico".

Os dados lançados pela Europol foram apresentados em Sófia, no decorrer de uma sessão conjunta com o Parlamento Europeu e os Parlamentos Nacionais Europeus, que supervisionam o órgão policial.