Última hora

Última hora

Iron Fly arranca nos Alpes... a pé

Em leitura:

Iron Fly arranca nos Alpes... a pé

Iron Fly arranca nos Alpes... a pé
Tamanho do texto Aa Aa

Uma primeira etapa debaixo de chuva e essencialmente a caminhar: não foi da melhor forma que arrancou, nos Alpes italianos, mais uma edição do Iron Fly. Uma competição particular, que consiste em completar, num máximo de sete dias, um circuito de 458 quilómetros usando como únicos meios de locomoção um parapente ou as próprias pernas.

As más condições meteorológicas obrigaram os atletas a abandonar rapidamente a opção preferida de voar. Um italiano explica que "foi muito difícil" e que teve de aterrar, depois de passar "bastante tempo [...] à espera que a chuva se afastasse".

Outro atleta também se queixa da chuva, acrescentando que os óculos escuros não serviram para nada e que "ficou tudo molhado".

Acabada de começar, a competição viu-se também amputada do multigalardoado Aaron Durogati. O piloto italiano foi obrigado a desistir, depois de se aperceber que não recuperou suficientemente de uma lesão no joelho sofrida no ano passado.