Última hora

Última hora

Moscovo e Kiev trocam acusações sobre assassinato de líder rebelde

Em leitura:

Moscovo e Kiev trocam acusações sobre assassinato de líder rebelde

Moscovo e Kiev trocam acusações sobre assassinato de líder rebelde
@ Copyright :
REUTERS/Shamil Zhumatov
Tamanho do texto Aa Aa

Moscovo e Kiev trocam acusações sobre a autoria do atentado desta sexta-feira que vitimou o rebelde prórusso Alexander Zakharchenko, lider da autoproclamada república popular de Donestk, no leste da Ucrânia.

Zakharchenko perdeu a vida numa explosao no café de que era proprietário, no centro de Donetsk.

Orgãos de comunicação social rebeldes e russos adiantam que o ministro das finanças da regiao separatista, Alexander Timofeev, tambem ficou ferido.

Os ministério russo dos Negócios Estrangeiros, através da porta-voz, Maria Zakharova, anunciou existirem todos os fundamentos para acreditar que a Ucrânia está por detrás do que chama de atentado terrorista.

Do lado ucraniano, citado pela imprensa local, o chefe dos Serviços de Segurança da Ucrânia (SBU), Igor Guskov, considerou duas explicações: Rivalidade interna ou uma operação russa, como costuma acontecer - disse - para silenciar separatistas que recusam seguir ordens do Kremlin.

Zakharchenko foi nomeado primeiro-minsitro da chamada República Popular de Donetsk em novembro de 2014.