Última hora
This content is not available in your region

Ronaldo "com raiva" por não ter sido jogador do ano na Europa

euronews_icons_loading
Ronaldo "com raiva" por não ter sido jogador do ano na Europa
Tamanho do texto Aa Aa

Ronaldo não digeriu da melhor maneira o facto de não ter sido considerado pela UEFA o melhor jogador da última época. O agora futebolista da Juventus não foi à Gala da UEFA no Mónaco por estar "revoltado" com a deliberação de 80 treinadores e 55 jornalistas.

O croata Luka Modrić foi o contemplado.

O treinador da Juventus defende português. "É normal que ontem (quinta-feira) ele tenha ficado com raiva porque no ano passado marcou 15 golos na liga dos campeões e, juntamente com Luka Modric e todos os outros, no Real Madrid, ganhou a Liga dos Campeões, por isso ficou muito chateado. Mas isso mostra que ele continua a trabalhar e quer continuar a ser o melhor", declarou Massimiliano Allegri.

Na verdade os números não mentem. O jogador português, um dos melhores de todos os tempos, tem golos, assistências e títulos para mostrar, além do golo mais bonito da época.

Entretanto, a ausência de Cristiano Ronaldo marcou a convocatória do selecionador, Fernando Santos, para os próximos dois jogos da equipa portuguesa - primeiro num amigável frente à Croácia, vice-campeã mundial, e depois com a Itália, na estreia da nova prova da UEFA, a Liga das Nações.