This content is not available in your region

Milhares de russos protestam contra reforma das pensões

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Milhares de russos protestam contra reforma das pensões

Milhares de pessoas saíram às ruas de Moscovo para protestar contra os planos do Governo de aumentar a idade de reforma. Muitos dos manifestantes pertenciam ao principal organizador do protesto, o Partido Comunista russo.

"Hoje não há confiança no poder e nomeadamente no Partido Rússia Unida, mas essa confiança vai ser corroída dramaticamente se os deputados e o Governo não realizarem as promessas de Putin de fazer da Rússia um dos países mais dinâmicos, mas a confiança vai destruir-se ainda mais se eles impuserem esta reforma das pensões que não é boa para os idosos, nem para os jovens", disse o presidente do Partido Comunista russo, Guennadi Ziouganov.

Na quarta-feira, Putin anunciou um alívio na reforma das pensões, nomeadamente para as mulheres, que afinal terão de trabalhar mais cinco anos e não oito para se reformarem.

Segundo uma sondagem, a popularidade do presidente russo caiu 10% desde a proposta desta reforma.