Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Manfred Weber avança com candidatura para 2019

Manfred Weber avança com candidatura para 2019
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O líder do maior grupo político transnacional no Parlamento Europeu, Manfred Weber, anunciou esta quarta-feira a candidatura para principal candidato pelo PPE para as eleições europeias do próximo ano.

"As pessoas vêm Bruxelas como algo burocrático, uma elite, e eu quero mudar isso"

Manfred Weber Candidato, PPE

Falando à imprensa em Bruxelas, Weber demonstrou-se confiante após ter assegurado o apoio da chanceler alemã, Angela Merkel, a figura mais poderosa do bloco.

"Hoje em dia a União Europeia não está ligada aos povos da União Europeia. As pessoas vêm Bruxelas como algo burocrático, uma elite, e eu quero mudar isso", disse Weber aos jornalistas.

Manfred Weber é uma figura popular em Bruxelas. É ele que representa o maior agrupamento político na Europa e vem do maior país, a Alemanha; conta ainda com o apoio da chanceler alemã Angela Merkel. Com apenas 46 anos de idade é um veterano em política europeia, integrando o parlamento desde 2004.

A sua candidatura, contudo, apresenta alguns problemas. Ele não tem experiência executiva, não é conhecido fora do ambiente de Bruxelas e enfrenta problemas domésticos na Bavária; caso o seu partido perca as eleições estaduais em outubro, a liderança atual poderá ter que partir e Weber pode ser chamado a assumir um cargo importante em Munique.

Até ao momento, nenhum outro elemento do PPE manifestou a intenção de concorrer.

Outras figuras de destaque podem igualmente decidir concorrer. Entre elas contam-se o antigo primeiro-ministro finlandês, Alexander Stubb e o principal negociador do Brexit, Michel Barnier, ambos apontados como possíveis candidatos.

No entanto, há razões para recear o resultado das eleições europeias do próximo ano.

Nenhum grupo político incluindo o PPE recolhe mais de 30% das preferências o que sugere a necessidade de um acordo de coligação no seio do Conselho Europeu.

É aqui que as qualidades de Weber se podem revelar mais úteis, segundo alguns colegas alemães do PPE.

"Se queremos oferecer um candidato, então tem que ser alguém aceitável em toda a Europa e com quem as pessoas se identifiquem e digam "é o nosso candidato!, diz Peter Jahr, eurodeputado do PPE.

"A força da candidatura de Manfred Weber é que ele conhece a União Europeia e os 28 estados membros como nenhum outro. Ele é respeitado como dirigente do grupo do PPE e tem boa reputação como negociador", adianta Daniel Caspary, igualmente deputado do PPE.