Pierre Moscovici: "Itália deve focar-se na dívida pública"

Pierre Moscovici: "Itália deve focar-se na dívida pública"
De  António Oliveira e Silva e Ricardo Borges de Carvalho com REUTERS
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Comissário Europeu para Assuntos Económicos e Financeiros disse, antes de Itália apresentar o projeto de orçamento de Estado para 2019, querer um país "forte" e na "zona euro."

**A Itália deve focar-se na redução da dívida pública. É o que diz o Comissário Europeu para os Assuntos Económicos e Financeiros, Pierre Moscovici.
**

PUBLICIDADE

Moscovici diz que é necessária a ajuda da zona euro para criar uma economia regional mais sólida e capaz de resistir melhor às tendências negativas e crises.

O Governo italiano deverá apresentar o o projeto de orçamento de Estado para 2019 em outubro. Bruxelas quer um plano em linha com os desejos da Comissão.

"Já falei várias vezes sobre o assunto com o ministro Giovanni Tria, que me pareceu de confiança, e que parece entender o que realmente importa na zona euro," disse o Comissário Europeu à agência Reuters.

"Sei que o Governo não é só o ministro das Finanças. Por isso, peço ao Governo italiano que seja claro e que ajude a Itália a permanecer no lugar certo, na zona Euro, como um país forte e credível e com a dívida sob controlo," continuou.

Mas, no seio da coligação governamental italiana, há quem peça mais gasto público ao ministro Tria.

Bruxelas teme uma derrapagem, tal como os mercados, até porque  há promessas de campanha para cumprir.

Itália tem uma dívida de 132% do Produto Interno Bruto, a segunda mais alta da zona euro depois da Grécia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Trump terá disponibilizado ajuda para comprar dívida italiana

Bruxelas: "Grécia precisa de continuar as reformas"

Comissário Moscovici em Atenas: "a Grécia deve virar a página"