EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Papa Francisco expulsa bispos chilenos acusados de abuso sexual

Papa Francisco expulsa bispos chilenos acusados de abuso sexual
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

José Francisco Cox e Marco Antonio Órdenes Fernández juntam-se a Fernando Karadima e Cristián Prech, que tinham sido expulsos do sacerdócio o mês passado

PUBLICIDADE

Sebastián Piñera foi recebido este sábado pelo Papa Francisco e como era de prever, o escândalo dos abusos sexuais na igreja católica dominou a conversa. No entanto não se pode dizer que o encontro entre os chefes de estado do Vaticano e do Chile se tenha ficado pelas simples palavras e o dia ficou marcado pelo anúncio da expulsão de dois bispos chilenos, José Francisco Cox e Marco Antonio Órdenes Fernández.

Dois nomes que se juntam aos de Fernando Karadima e Cristián Prech, que tinham sido expulsos do sacerdócio o mês passado. A decisão foi tomada pelo Papa Francisco e não admite recurso. A igreja chilena encontra-se atualmente a braços com 119 processos de investigação por abuso sexual desde os anos 60.

Outras fontes • BS

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Igreja chilena condenada a pagar 580 milhões de euros às vítimas de Karadima

Papa Francisco volta a apelar à paz e lamenta investimentos na produção de armas

Vaticano condena cirurgia de mudança de sexo e barriga de aluguer