Última hora

Última hora

"Breves de Bruxelas: Mar de Azov, notícias falsas, Hungria

Em leitura:

"Breves de Bruxelas: Mar de Azov, notícias falsas, Hungria

"Breves de Bruxelas: Mar de Azov, notícias falsas, Hungria
Tamanho do texto Aa Aa

A União Europeia está "extremamente preocupada" com as crescentes tensões entre a Rússia e a Ucrânia no Mar de Azov, segundo a chefe da diplomacia da União Europeia, Federica Mogherini.

"As atividades no Mar de Azov atrasam muitíssimo o movimento dos navios que ostentam bandeiras dos países membros da União Europeia, de modo que estamos já a sofrer impacto nas nossas próprias economias", disse Mogherini à entrada para o segundo dia da reunião da NATO, em Bruxelas, ao nível dos ministros dos Negócios Estrangeiros.

Este é o tema de abertura do programa "Breves de Bruxelas", que passa em revista a atualidade europeia diária. Em destaque estão, também, as seguintes notícias:

  • A Comissão Europeia pretende pedir relatórios mensais sobre campanhas de desinformação às plataformas digitais, tais como Facebook, Google e Twitter. Esta é uma das medidas de um plano de ação apresentado, quarta-feira, que inclui mais financiamento para a agência europeia que investiga notícias falsas e para criar um "sistema de alerta rápido" nos Estados-membros.

  • A Universidade Centro Europeia pondera lançar um processo em tribunal contra o governo da Hungria por causa da transferência da unidade de Budapeste (capital da Hungria) para Viena (Áustria). A administração alega que incorre em perdas financeiras e que pode ter direito a uma indemnização.