Última hora

Última hora

Avalanche de neve atinge hotel na Suíça

Avalanche de neve atinge hotel na Suíça
Tamanho do texto Aa Aa

Uma avalanche com 300 metros de largura e cinco de altura abateu-se quinta-feira à tarde sobre o Hotel Santis, na passagem montanhosa de Schwägalp, na Suíça. Pelo menos três pessoas ficaram feridas, mas já tiveram alta.

A limpeza do hotel prosseguia esta sexta-feira e deverá manter-se pelo fim de semana, assim como uma operação de busca para certificar que ninguém ficou debaixo da neve, embora não existissem relatos de pessoas desaparecidas.

Na Áustria, por outro lado, pelo menos duas pessoas continuam sem dar sinais de vida na província de Krems

A forte queda de neve na região austríaca dos Alpes está a afetar esta semana cerca de duas mil pessoas e a prejudicar o setor do turismo, uma das principais fontes de receita nestas montanhas durante o inverno.

Os cancelamentos de reservas nas estâncias de esqui têm-se sucedido, adianta o principal jornal de Salzburgo.

Na Alemanha, cerca de 200 voos de Frankfurt e Munique foram já cancelados devido aos alertas de forte queda de neve no país, mas também devido a uma greve em curso no aeroporto bávaro.

Na quinta-feira, um menino morreu vítima da queda de uma árvore provocada pela neve, agravando o trágico balanço de pelo menos 17 mortos devido às fortes tempestades que têm assolado esta semana o centro e o norte da Europa.

À Euronews, Moritz Wedel, do jornal alemão Bild falava de "um pequeno alívio" a curta e ligeira melhoria do estado do tempo, marcado por uma "pausa na queda de neve."

"As autoridades e os serviços de emergência aproveitaram o momento para limpar a neve de algumas estradas e dos telhados de casas onde se amontoava. O objetivo é também reduzir o risco de avalanches com explosões controladas, mas este momento de acalmia não veio para durar. As previsões apontam para mais chuva e queda de neve durante o fim de semana", avisa Moritz Wedel.