EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Brexit depois do chumbo no Parlamento

Brexit depois do chumbo no Parlamento
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Deputados britânicos decidem hoje se aprovam a proposta de saída do Reino Unido da União Europeia. Tudo indica que o "não" está garantido

PUBLICIDADE

O Governo britânico tem os olhos postos no futuro de Theresa May e nas negociações com Bruxelas sobre a saída da União Europeia.

Com um chumbo do parlamento britânico ao atual acordo sobre o Brexit, a primeira-ministra tem até à próxima segunda-feira, dia 21, para apresentar uma alternativa.

Tom Swarbrick, antigo consultor de Theresa May, falou com a euonews sobre os próximos passos de May:

“Embora seja quase impossível dizer precisamente o que acontecerá, porque ninguém sabe, acredito que a primeira-ministra vai voltar a Bruxelas para conseguir mais concessões. Essas concessões vão depender da escala da derrota. May vai tentar voltar ao parlamento britânico, com novidades, o mais depressa possível”.

O desfecho do Brexit pode passar por vários cenários: Bruxelas pode ampliar o prazo para a saída, Theresa May pode perder o cargo de primeira-ministra e há ainda a situação menos provável de ser convocado um segundo referendo. Simon Thomson do “People's Vote UK” sublinha que essa é a solução mais justa.

“Parece-nos claro que há cada vez mais deputados,  população, empresas e líderes da comunidade empresarial  que defendem que o caminho é voltar a dar a decisão às pessoas. Afinal, este acordo não é o mesmo que nos foi oferecido há dois anos e meio”.

Outro dos cenários possíveis é a saída do Reino Unido sem qualquer acordo com Bruxelas. Uma solução que para o presidente da Comissão Europeia seria uma "catástrofe absoluta".

Partilhe esta notíciaComentários