Última hora

Última hora

Troca de tiros entre Índia e Paquistão

Troca de tiros entre Índia e Paquistão
Direitos de autor
REUTERS
Tamanho do texto Aa Aa

Apesar dos apelos à contenção por parte da comunidade internacional, esta quinta-feira houve troca de tiros entre militares da Índia e do Paquistão junto à fronteira de Caxemira.

A tensão entre estas potências nucleares aumentou depois de ontem as respetivas forças aéreas terem abatido caças do país vizinho. O Paquistão capturou ainda um piloto indiano.

O primeiro-ministro paquistanês e o porta-voz do governo indiano já apelaram ao diálogo para diminuir a tensão na região.

O Irão, país que tem boas relações com os dois países, já se ofereceu para mediar o conflito.

Entretanto Islamabade fechou o espaço aéreo o que obrigou várias companhias a cancelar voos ou alterar a rota dos mesmos. Pelo menos quatro mil passageiros da Thai Airways que iam ou voltavam de Banguecoque foram afetados.

A escalada de tensão começou quando Nova Deli fez um ataque aéreo em território paquistanês contra um campo de treinos de um grupo islâmico responsável por um ataque que matou 42 paramilitares indianos este mês.

Índia e Paquistão já estiveram em guerra por três vezes desde o fim da colonização britânica, em 1947.