Sexto dia de protestos na Argélia

Sexto dia de protestos na Argélia
Direitos de autor REUTERS/Zohra Bensemra
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Milhares de pessoas encheram as ruas da capital contra a recandidatura do atual presidente

PUBLICIDADE

Na Argélia, a polícia antimotim usou gás lacrimogéneo para dispersar a multidão no sexto dia de protestos contra a possibilidade de um quinto mandato do presidente Abdelaziz Bouteflika.

Apesar das manifestações estarem proibidas desde 2001, milhares de pessoas voltaram a concentraram-se na capital argelina para pedir a queda do regime.

Indiferente à contestação, Bouteflika prometeu a realização de uma conferência nacional para trabalhar em consensos sobre as reformas do país.

Bouteflika está no poder desde 1999. Tem 82 anos e uma saúde cada vez mais frágil. Vai formalizar a recandidatura este domingo. As presidenciais da Argélia estão marcadas para 18 de abril.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Argelinos celebram demissão de Presidente

Incêndios mortais na Árgélia

Argélia quer aderir ao grupo dos países BRICS