Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Eleições locais ameaçam posição de Erdogan

Eleições locais ameaçam posição de Erdogan
Tamanho do texto Aa Aa

As urnas abriram na Turquia e o país vai a votos, este domingo, para escolher os representantes locais. As eleições são ao nível dos municípios, mas têm sido encaradas como um barómetro da popularidade de Erdogan.

De acordo com as sondagens, o partido do presidente arrisca-se a perder o controlo político de cidades como Ancara e Istambul, fruto do descontentamento gerado pela crise cambial e a recessão económica em que o país entrou, no ano passado.

Duas coligações posicionam-se agora para conquistar o eleitorado. De um lado, o AKP, partido de Erdogan, concorre aliado ao Movimento Nacionalista, de extrema-direita, na coligação Aliança do Povo. Do outro, na oposição, está a Aliança Nacional, que junta o Partido Republicano do Povo, de centro-esquerda, ao Partido Bom, de direita.

O enfraquecimento da posição maioritária da Aliança do Povo pode fragilizar a legitimidade de Erdogan, à frente da Turquia desde 2003.