Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Junqueras para "denunciar a repressão" contra os independentistas

Junqueras para "denunciar a repressão" contra os independentistas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Em prisão preventiva há um ano e meio, está a ser julgado no Supremo Tribunal Espanhol por rebelião, sedição e desvio de fundos. Mas mesmo assim a Esquerda Republicana da Catalunha (ERC) escolheu-o como cabeça de lista às eleições legislativas e europeias, para "denunciar a repressão" que acusa o Governo central de exercer sobre os independentistas catalães.

Oriol Junqueras tem 50 anos e é professor de história do pensamento económico. É o líder da ERC há oito anos. Em 2016, tornou-se vice-presidente da Generalitat, mas um ano depois seria destituído, na sequência do referendo sobre a independência da Catalunha.

Está a ser julgado pelo seu envolvimento neste processo, ele que se define como um "homem de paz" e de diálogo.