A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Dinamarca "estupefacta" com Donald Trump

Dinamarca "estupefacta" com Donald Trump
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Estupefação e surpresa, são as reações da classe política e da casa real dinamarquesa, depois do presidente norte-americano ter anulado a visita a Copenhaga e o encontro previsto com a primeira-ministra Mette Frederiksen, por esta não estar disposta a discuter a venda da Gronelândia aos Estados Unidos.

O anúncio foi feito no Twitter. Donald Trump também usou a rede social para afirmar que Frederiksen "poupou muito dinheiro e esforço aos Estados Unidos e à Dinamarca ao ser tão direta e acrescentou que espera "remarcar [o encontro] para algum momento no futuro".

A chefe do governo dinamarquesa tinha afirmado no domingo que "a Gronelândia não está à venda" e que esperava que "a oferta não fosse séria".

Mais de 80 por cento da superfície da maior ilha do planeta está coberta por gelo, mas os efeitos do aquecimento global poderão facilitar o acesso ao que se estima serem vastos recursos minerais.twitter