Última hora

Holanda: Vila costeira faz festa do Brexit

Holanda: Vila costeira faz festa do Brexit
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A pequena vila costeira holandesa Wijk Ann See, com cerca de 2400 habitantes, quer dar uma festa de arromba no dia do Brexit, 31 de outubro.

A ideia de um dos habitantes entusiasmou o cineasta Ron Toekook, que está a organizar o evento através do Facebook e já espera pelo menos 10 mil convivas para esta localidade virada para o mar do Norte.

"O mais incrível é que há pessoas a reservar voos a partir dos EUA e da China. Acabei de receber a confirmação de uma pessoa em Espanha, que já reservou um voo", disse Ron Toekook, organizador do Brexit aan Zee, em entrevista à euronews.

Mas será uma festa de celebração ou um momento para ajudar a afogar as mágoas?, quis saber a euronews.

"Não é nem uma festa triste nem alegre. Vemos o Reino Unido como um velho amigo que começou em uma aventura que não ousaríamos tentar. Pensamos que é um bocadinho tonta", acrescentou Ron Toekook.

A euronews foi saber se os moradores estão interessados no evento. "É engraçado que alguém tenha pensado nisso, fazer uma espécie de festa de despedida, eu acho divertido", disse um transeunte. "Não, isso não dervia ser uma festa, é realmente triste não ter a Grã-Bretanha na União Europeia", disse outro.

Mas o presidente da câmara, Martijn Smit, até acha que é uma ideia com potencial turístico: "Em Wijk Ann See gostamos de festejar, mas tem que ser algo responsável e esse é o meu trabalho. Acho interessante a ideia de acenar aos britânicos, que nos podem acenar de volta. Teremos diferentes tipos de música, de diferentes países europeus. É uma ideia incrível que apoiamos".

A 250 km de distância, os britânicos não deverão dar-se conta dos acenos do outro lado do mar do Norte.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.