EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Reabriu a "Casa dos Amantes" em Pompeia

Reabriu a "Casa dos Amantes" em Pompeia
Direitos de autor rai foto
Direitos de autor rai foto
De  Maria Barradas
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Uma das mais famosas casas da cidade romana de Pompeia, a "Casa dos Amantes", voltou a abrir, 40 anos após ter sido fortemente danificada por um sismo

PUBLICIDADE

Uma das casas mais famosas de Pompeia reabriu esta terça-feira, 40 anos depois de ter sido seriamente danificada num terramoto.

A chamada "Casa dos Amantes", devido a uma inscrição em latim na entrada, é uma das joias da antiga cidade romana enterrada por uma erupção do Vesúvio em 79 DC. Já tinha sido revelada graças aos trabalhos de restauro realizados em 1933, mas, em 1980, foi fortemente danificada pelo sismo de Irpinia.

É a única domus cujo segundo andar foi quase completamente preservado após a erupção.

A estrutura da casa remonta ao século I a.C. Segundo o estilo do exterior, as decorações pertencem a um período posterior a 62 a.C. e as pinturas representam vida, com moluscos e peixes em paisagens idílicas.

Os projetos de restauro em Pompeia têm sido financiados principalmente por fundos da União Europeia. Graças a eles já foram abertos mais dois domus: a Nave Europa, cujo nome deriva de uma inscrição encontrada numa das suas paredes e o Domus del Fruttteto que, com os seus cubículos florais, representa um dos mais importantes exemplos da pintura de jardins da cidade romana.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Meloni procura reforma constitucional para eleição direta do primeiro-ministro

Guerra na Ucrânia domina cimeira do G7 em Itália

Em Monfalcone, Itália, um terço dos residentes é imigrante mas a autarquia é de extrema-direita