Última hora
This content is not available in your region

Produtores britânicos temem pelo futuro das colheitas

euronews_icons_loading
Produtores britânicos temem pelo futuro das colheitas
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

A região de Kent é conhecida como o jardim do Reino Unido. Os frutos são colhidos no Verão e embalados durante todo o ano

Agora, pela primeira, muitos britânicos candidatam-se a trabalhar na apanha da fruta. Milhares de trabalhadores despedidos responderam aos apelos dos fruticultores do país. Mas a colheita foi há cinco semanas e, agora, a mão-de-obra não é tão necessária.

Stephen Taylor, diretor da Winterwoods Farm, teve de deitar para o lixo quatro toneladas de framboesas espanholas porque os supermercados estavam a dar prioridade a outros bens. Conta-nos que a falta de trabalhadores é sentida principalmente no verão e que a dúvida dos agricultores é saber se podem contar com os colaboradores sazonais. A maioria dos britânicos esperam voltar ao trabalho e por isso não garantem as colheitas de Junho, Julho e Agosto. Em relação aos trabalhadores do leste da Europa, é preciso saber se podem viajar, se quererem viajar, e se vão ser suficientes. Por enquanto, não há certezas.

Nick Marston, presidente da British Summer Fruits diz que os produtores estão confiantes de que vão colher todas as bagas este ano mas sabem que vão pagar um custo adicional considerável. Por isso, pedem apoio para vender os produtos, colocá-los nas prateleiras e para a promoção junto dos clientes.

Depois das incertezas por causa do Brexit, os produtores britânicos têm agora de garantir 90 mil postos de trabalhos sazonais. Uma situação preocupante na já difícil missão de concorrer com os agricultores de toda a Europa.