Última hora
This content is not available in your region

Contactos que contam: rede europeia ajuda negócios a crescer

euronews_icons_loading
Contactos que contam: rede europeia ajuda negócios a crescer
Direitos de autor  euronews
Tamanho do texto Aa Aa

O coronavírus está a transformar a forma como as empresas comunicam, mas, por vezes, não há nada como uma rede de contactos tradicional. Mesmo com um bom produto, ou serviço, conhecer as pessoas e empresas certas pode ser crucial para qualquer negócio se expandir.

Testes à covid-19

A empresa espanhola Life Length é líder mundial em rastreio celular e medição telomérica. Os telómeros funcionam como capas protetoras no final dos cromossomas e desempenham um papel significativo no processo de envelhecimento.

Cada vez que as células se replicam, os telómeros encurtam até atingirem um ponto em que as células já não se podem dividir adequadamente. Compreender o comprimento dos telómeros de um indivíduo pode oferecer uma visão clara de quão bem essa pessoa está a envelhecer e que medidas podem tomar para abrandar o processo.

No entanto, com início da pandemia, a empresa passou a diversificar a atividade principal, utilizando os seus conhecimentos para criar um serviço de testes à covid-19. Stephen Matlin, diretor-geral da Life Length, conta que a mudança foi feita numa tentativa de ajudar a fazer face à crise do coronavírus que atingiu Espanha.

"Fazemos os três tipos de testes que atualmente existem no mundo. Um é o teste PCR, que determina se alguém tem ou não o vírus, a partir de uma zaragatoa nasal e oral, e existem dois tipos de testes ao sangue. Um mede a presença de anticorpos, sim ou não. A isto chama-se um teste rápido. E depois há um teste mais sofisticado chamado Elisa, que na realidade quantifica o nível de anticorpos. Por isso, fazemos aqui os três testes".

Euronews
Há dois tipos de teste para medir os anticorpos ao coronavírusEuronews

Um estudo independente da Universidade de Yale determinou que o teste rápido aos anticorpos é o mais fiável em relação à covid-19.

Para criar o serviço de diagnóstico, a Life Length recorreu à ajuda Enterprise Europe Network (EEN), uma rede de contactos de trabalho europeia da qual é membro desde 2014.

Stephen Matlin afirma que o apoio prático que a empresa recebeu da EEN tem sido crucial para pôr o serviço de testes a funcionar.

"O apoio da rede foi vital. Para começar, ajudaram-nos na obtenção dos reagentes e produtos químicos necessários, que eram muito escassos e difíceis de encontrar,puseram-nos em contacto com fornecedores com os quais não trabalhávamos tradicionalmente e depois forneceram-nos as instalações de armazenamento que estes materiais requeriam. E depois outro momento essecial foi ajudar-nos a divulgar que estávamos a oferecer estes serviços, - que não é algo que tradicionalmente fazemos - a potenciais clientes, hospitais, lares e ao governo".

Uma rede para pequenas empresas

Ativa em mais de 60 países, a Enterprise Europe Network é a maior rede mundial de apoio às Pequenas e Médias Empresas. 3000 peritos locais de mais de 600 organizações prestam uma vasta gama de serviços, incluindo aconselhamento sobre como obter financiamento da União Europeia e como proteger a propriedade intelectual.

Carmen Gilabert, que ajuda a gerir a rede em Espanha, diz que a EEN ajudou ainda mais a Life Length, permitindo à empresa utilizar os laboratórios da rede, localizados no Parque Científico de Madrid.

"A partir do Parque Científico de Madrid oferecemos serviços profissionais personalizados e também infraestruturas, como laboratórios pré-equipados para empresas inovadoras de cariz científico e tecnológico".

O objetivo da rede é ajudar "as PME a inovar e a crescer rapidamente. A rede fornece serviços de consultoria em diferentes campos, como o de acesso a novos mercados, finanças e financiamento. E também gere uma ferramenta poderosa, que é uma base de dados, com ofertas e pedidos empresariais, para que as empresas possam encontrar os parceiros internacionais adequados para trabalhar".

Em que consiste a EEN

  • A Enterprise Europe Network procura ajudar as Pequenas e Médias Empresas (PME) a inovar e a crescer, tanto dentro da União Europeia, como fora do espaço comunitário.
  • Oferecendo uma vasta gama de serviços, a EEN procura ajudar as empresas a encontrar os parceiros internacionais certos para se expandirem no estrangeiro; receber o aconselhamento necessário para crescerem internacionalmente; possibilitar que as suas ideias inovadoras tenham sucesso comercial nos mercados internacionais.
  • Todas as PME com ambições internacionais podem beneficiar do apoio da Enterprise Europe Network.
Euronews
Carmen Gilbert, EENEuronews

A Enterprise Europe Network (EEN) é a maior rede mundial de apoio às pequenas e médias empresas. Carmen Gilabert ajuda a gerir a rede em Espanha. Ao Business Planet falou sobre os serviços que a EEN oferece.

Como é que ajuda as pequenas empresas a expandir-se e a tornar-se globais?

C.G.: A Enterprise Europe Network é uma poderosa rede de contactos empresariais e líderes de inovação em todo o mundo. Contamos como membros agências regionais de inovação, câmaras de comércio, parques científicos e universidades. Quase toda a atividade internacional das nossas empresas incubadas é feita através da rede.

O que é que uma PME precisa de fazer, se estiver interessada na Enterprise Europe Network?

C.G.: Aconselho simplesmente a visitar o [nosso] website, onde pode verificar todos os serviços e entrar em contacto com o ponto de contacto local da Rede, selecionando o país e cidade mais próximos do local onde a empresa estiver sediada. Pode também seguir os nossos canais de comunicação social e ver as nossas histórias de sucesso para saber como ajudámos as empresas.

Que tipo de empresas se qualificam para este apoio?

C.G.: A Enterprise Europe Network apoia empresários e empresas de quase todos os setores: empreendedorismo feminino, indústrias criativas, turismo e património cultural, têxtil e moda, aeronáutica e espaço, agroalimentar, saúde, BioChemTech são apenas alguns".

Ligações úteis:

Enterprise Europe Network

Apoio às PME da UE