Última hora
This content is not available in your region

Ilha de Ouvéa ameaçada de desaparição

euronews_icons_loading
Ilha de Ouvéa ameaçada de desaparição
Direitos de autor  Theo Rouby/AP
Tamanho do texto Aa Aa

Batizada como "a ilha mais próxima do paraíso", Ouvéa é um atol francês na Nova Caledónia que é também um exemplo evidente dos efeitos das alterações climáticas.

Parcialmente inscrita ao Património Mundial da Humanidade em 2008, esta ilha com ares de postal turístico, assiste desesperadamente à subida progressiva do nível das águas, que ameaçam submergir o território.

Poeta Carolo, porta-voz do governo de Saint Joseph:"Da estrada até à maré alta, havia quase 80 ou 100 metros. Agora, quando descemos da estrada até às árvores, não fazemos sequer 36 passos."

As autoridades locais tomaram medidas para tentar preservar a pequena ilha do Pacífico, como a proibição de aproximação de barcos de cruzeiro, mas a erosão é implacável e Ouvéa enfrenta também intempéries cada vez mais frequentes.

Jacques Adjouhgniope, Presidente da Associação pela Biodiversidade de Ouvéa:"A estrada principal está mesmo aqui à frente, estamos a poucos metros da estrada... Acredito que, se vier um ciclone - o que poderá acontecer daqui até ao início do próximo ano -, vai tudo desmoronar-se no espaço de poucos segundos."

Ouvéa é um paraíso ameaçado e, ao ritmo das marés, a ilha encolher progressivamente os seus 25 quilómetros de praia.