EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Velocista Christian Coleman suspenso por dois anos

Velocista ainda pode recorrer de decisão
Velocista ainda pode recorrer de decisão Direitos de autor AP Photo/David J. Phillip, Arquivo
Direitos de autor AP Photo/David J. Phillip, Arquivo
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Campeão do mundo falhou obrigações de localização para controlo antidoping.

PUBLICIDADE

Atual campeão do mundo de 100 metros, Christian Coleman deverá falhar os Jogos Olímpicos de Tóquio, adiados para o verão do ano que vem por causa da pandemia de Covid-19.

O velocista foi suspenso por dois anos, por falhar as obrigações de localização para controlo antidoping, de acordo com a Unidade de Integridade do Atletismo. Coleman encontrava-se suspenso provisoriamente, desde 14 de maio. depois de falhar três vezes a localização, a 16 de janeiro, 29 de abril e 08 de dezembro do ano passado.

Neste momento, dispõe de 30 dias para recorrer da decisão.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Campeã olímpica Caster Semenya ganha recurso contra testosterona no atletismo

Antigo membro do comité olímpico japonês suspeito de corrupção

"O verdadeiro Mo Farah"