Última hora
This content is not available in your region

Maestrina venezuelana encanta França

euronews_icons_loading
Maestrina venezuelana encanta França
Direitos de autor  AFP
De  euronews
Tamanho do texto Aa Aa

A venezuelana Glass Marcano é uma estrela em ascensão no mundo dos maestros de música clássica. Em setembro, venceu o concurso de direção de orquestra "La Maestra", a primeira competição internacional para maestrinas, em Paris.

Em tempos de pandemia, esta jovem de uma família pobre viajou para Paris num voo humanitário.

"Acho que o mais importante é fazer música independentemente do género, da cor. O importante é a paixão e a energia que se tem no pódio, mas continuo muito feliz e agradecida por ter esse peso de responsabilidade de representar um grupo de pessoas que acreditam em mim, me apoiam. É muito importante para mim", vinca Glass Marcano.

"Ela é muito, muito clara e muito precisa. E também tem muita inspiração. Sente-se que ela vive a música, que ela respira música", descreve Audrey Rousseau, violinista da Ópera de Tours.

"Temos assim três, quatro grandes músicos, grandes maestros por geração. Estou convencido de que Glass é um dos maiores maestros em formação dessa geração", elogia Laurent Campellone, diretor da Ópera de Tours.

Por vencer o concurso "La Maestra", Glass Marcano ganhou 20 mil euros, participações em concertos profissionais e um programa de mentoria de dois anos com a Filarmónica de Paris.