Última hora
This content is not available in your region

Codogno inaugura memorial no primeiro aniversário da pandemia em Itália

De  euronews
euronews_icons_loading
Codogno inaugura memorial um ano depois de ter sido identificado primeiro contágio por Covid-19 no país
Codogno inaugura memorial um ano depois de ter sido identificado primeiro contágio por Covid-19 no país   -   Direitos de autor  AP Photo
Tamanho do texto Aa Aa

Um memorial foi inaugurado este domingo em Codogno, cidade italiana onde há um ano foi detetado o primeiro caso de contágio pelo novo coronavírus dentro das fronteiras do país. O município quis prestar homenagem às vítimas, aos familiares, aos profissionais de saúde e à comunidade que considera ter sido "resiliente".

"Estávamos prontos, não estávamos prontos, o nosso país estava pronto? Talvez a história o venha a dizer. Mas houve pessoas comuns que fizeram coisas extraordinárias naquele período. Coisas emocionantes, coisas únicas, e foi graças a estas coisas que muitas pessoas conseguiram vencer esta batalha. Infelizmente ainda não acabou", realçou Francesco Passerini, presidente da Câmara Municipal de Codogno.

Codogno, um pequeno município da Lombardia, foi o epicentro do primeiro surto de Covid-19 na Europa. Poucos dias depois de ter sido descoberto o primeiro caso, foi decretado um confinamento rigoroso.

De acordo com os números oficiais, mais de 95 mil pessoas perderam a vida no primeiro ano da pandemia em Itália.