Última hora
This content is not available in your region

Christchurch lembra vítimas do terramoto de 2011

euronews_icons_loading
Christchurch lembra vítimas do terramoto de 2011
Direitos de autor  أ ف ب
Tamanho do texto Aa Aa

Dez anos depois, Christchurch lembra um dos dias mais negros da sua história. Exatamente às 12h51, hora em que a terra tremeu na cidade neozelandesa, milhares de pessoas assinalaram um minuto de silêncio em memória das vítimas numa cerimónia liderada por Jacinda Ardern.

A primeira-ministra lembrou que "o terramoto e as réplicas afetaram as pessoas de formas complexas e diversas. As consequências foram significativas e as memórias diárias só dificultam a situação. As cicatrizes da paisagem, a dor de amigos e vizinhos e as crianças com traumas profundos... Dez anos depois, ainda há pessoas que vivem diariamente sob a longa sombra desse dia."

O terramoto de 22 de fevereiro de 2011 durou apenas dez segundos, o suficiente para provocar 185 mortes e destruir o centro da cidade.