This content is not available in your region

Papa defende o "reativar do diálogo" para a paz no Médio Oriente

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Papa defende o "reativar do diálogo" para a paz no Médio Oriente
Direitos de autor  frame

O Papa recebeu, esta quinta-feira, o presidente da Autoridade Palestiniana e defendeu a necessidade de "reativar o diálogo" para colocar fim ao conflito israelo-palestiniano.

De acordo com um comunicado do Vaticano, Francisco e Mahmud Abbas falaram sobre a solução de dois Estados na região do Médio Oriente.

Segunda a nota, o Sumo Pontífice defendeu que "Jerusalém deve ser reconhecida por todos como um lugar de encontro e não de conflito e que o seu estatuto deve proteger a identidade universal e o valor da Cidade Santa para as três religiões abraâmicas", através de um estatuto especial garantido pela comunidade internacional.

Mahmud Abbas ofereceu ao Papa um quadro que representa a Gruta da Natividade em Belém, o local onde, segundo a tradição cristã, nasceu Jesus.

Esta é a sexta vez que os dois líderes se encontram. O Vaticano reconheceu o Estado da Palestina em 2015 e em 2017 a Autoridade Nacional Palestiniana abriu a embaixada junto da Santa Sé.