This content is not available in your region

Merkel homenageada pelas forças armadas

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com EFE
euronews_icons_loading
Merkel homenageada pelas forças armadas
Direitos de autor  AFP

Angela Merkel foi homenageada pelas forças armadas da Alemanha com a tradicional cerimónia de despedida. O adeus desta quinta-feira aconteceu depois de 16 anos de Merkel como chanceler e a poucos dias da tomada de posse do novo governo.

Como é habitual, a ainda líder do executivo alemão pôde escolher a banda sonora que foi tocada pela banda das Forças Armadas (Bundeswehr). Uma das escolhas foi uma música de 1974, de Nina Hagen, e diz a imprensa, em memória nostálgica dos dias de estudante na República democrática alemã.

"Gostaria de agradecer a todos aqueles que lutaram com todas as suas forças contra a pandemia", disse, dirigindo-se aos trabalhadores da saúde e aos soldados. Continuou a criticar, no que será provavelmente o seu último discurso como chanceler, "aqueles que negam as provas científicas e espalham o ódio".

O "Zapfenstreich" é a maior honra militar da Alemanha, reservada a chanceleres, presidentes federais, ministros da defesa e oficiais militares de alta patente. Data de 1838 e foi consolidada na época prussiana, mas a sua sobrevivência não é isenta de controvérsia, uma vez que Adolf Hitler a adoptou e alguns ainda identificam o desfile da tocha com o nazismo.

A cerimónia tem acompanhado as despedidas dos sucessivos líderes da República Federal da Alemanha . Cada um deles coloca o seu selo pessoal na escolha das peças musicais a tocar pela banda, desde as marchas militares até ao hino nacional.