EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Tribunal da Rússia encerra principal Organização de direitos humanos no país

Tribunal da Rússia encerra principal Organização de direitos humanos no país
Direitos de autor le 28 décembre 2021 Pavel Golovkin/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
Direitos de autor le 28 décembre 2021 Pavel Golovkin/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A "memorial" era guardiã da memória de todas as vítimas do sistema Gulag, na União Soviética

PUBLICIDADE

O Tribunal da Rússia ordenou o encerramento da "Memorial", a principal organização de direitos humanos no país. 

O Supremo Tribunal de Justiça decidiu dissolver a principal organização de direitos humanos na Rússia. 

A Memorial era considerada um "pilar da defesa da liberdade" e uma guardiã da memória de todos os que perderam a vida nos trabalhos forçados na União Soviética, no sistema Gulag.

A decisão chega depois do Ministério Público russo acusar a ONG de criar uma "falsa imagem" da União Soviética como "um estado terrorista".

A própria organização anunciou nas redes sociais o encerramento por parte da justiça, minutos depois da ordem ter sido comunicado pelo juiz.

Foi fundada em 1989 por dissidentes soviéticos, incluindo pelo vencedor do Prémio Nobel da Paz Andrei Sakharov.

Fecha portas 32 anos depois. 

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Justiça russa ordena fecho do Centro de Direitos Humanos da Memorial