EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Guerra da Rússia na Ucrânia pode durar anos diz Secretário-Geral da NATO

Resistência ucraniana mantém-se firme no Donbass
Resistência ucraniana mantém-se firme no Donbass Direitos de autor Efrem Lukatsky/The Associated Press
Direitos de autor Efrem Lukatsky/The Associated Press
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Resistência ucraniana mantém-se firme no Donbass.

PUBLICIDADE

A guerra da Rússia na Ucrânia pode durar anos, foram estas as palavras do Secretário-Geral da NATO Jens Stoltenberg. No terreno, a batalha no Donbass continua a fazer baixas de ambos os lados. De acordo com as autoridades locais, na cidade separatista de Donetsk cinco civis morreram e 12 pessoas ficaram feridas no sábado, num bombardeamento das forças ucranianas. A resistência mantém-se firme na região.

Um soldado ucraniano adiantou que na última semana, houve uma estabilização da linha da frente; dizendo ainda que o inimigo está exausto e não pode continuar as operações ofensivas, devido ao "trabalho profissional e de alta qualidade dos artilheiros ucranianos".

No sábado, mísseis russos destruíram um depósito de combustível em Novomoskovsk, uma cidade no leste da Ucrânia. De acordo com o chefe da administração regional, três pessoas ficaram feridas. Uma grande explosão também abalou uma zona perto da cidade ucraniana de Severodonetsk.

Imagens filmadas em Kharkhyv mostram corpos das vítimas ucranianas enviados para a capital. Durante uma visita às tropas no sul da Ucrânia, o Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskyy, reconheceu o trabalho dos guardas fronteiriços de Odessa. Agradeceu-lhes em nome do povo ucraniano pelo serviço heróico e disse que que é importante manter-se vivo, porque diz que enquanto for vivo vai continuar a proteger a Ucrânia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Lysychansk e Severodonetsk resistem à ofensiva russa

Ataque aéreo a Kharkiv faz pelo menos sete mortos. Zelenskyy condena brutalidade russa

Rússia captura aldeia na região de Donetsk