EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Demissão de Boris Johnson divide opiniões

Boris Johnson anuncia demissão
Boris Johnson anuncia demissão Direitos de autor Bernat Armangue/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Bernat Armangue/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Nenhum político ficou indiferente à notícia desta quinta-feira. Rússia aplaude e Ucrânia fica triste com saída do primeiro-ministro

PUBLICIDADE

De todo o mundo chegam reações ao anúncio da demissão de Boris Johnson.

Os aplausos da mulher e de alguns parceiros, durante o discurso desta quinta-feira, contrastam com o cansaço de muitos cidadãos e políticos.

A primeira-ministra da Escócia não escondeu o alívio. “Penso que não vai haver eleições gerais antecipadas. Um novo líder conservador, um novo primeiro-ministro vai obviamente querer tempo para se estabelecer e presumivelmente reparar alguns dos danos, danos muito profundos que Boris Johnson causou ao Partido Conservador, embora tenham permitido que isso acontecesse”, disse Nicola Sturgeon.

Da Rússia, chegou a reação do porta-voz da presidência, um crítico assumido de Johnson. “Gostaríamos de esperar que em algum momento o Reino Unido tenha políticos mais profissionais, capazes de compreender que as questões atuais precisam de ser resolvidas através do diálogo. Mas é algo difícil de se esperar neste momento”, declarou Dmitry Peskov.

Nas redes sociais, e num telefonema pessoal a Boris Johnson, o presidente da Ucrânia disse estar triste com esta decisão.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

11 candidatos para substituir Boris Johnson

Eleitores britânicos vão escolher um novo governo esta quinta-feira

Eleições no Reino Unido: Partido Trabalhista quer acabar com o plano de Ruanda