This content is not available in your region

Líderes europeus consternados com o assassinato de Shinzo Abe

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Embaxada do Japão em Bruxelas
Embaxada do Japão em Bruxelas   -   Direitos de autor  AP Photo

Chovem reações do mundo inteiro ao assassinato do ex-primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe.

Os líderes europeus deixaram mensagens de consternação no Twitter.

Ursula Von der Leyen, presidente da Comissão Europeia, escreveu que Abe era "uma pessoa maravilhosa, um grande democrata e um campeão do mundo multilateral", classificando de "cobardia brutal" o seu assassinato.

O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, escreve que nunca irá compreender a morte brutal deste grande homem afirmando que os europeus estão de luto com os japoneses.

Por seu lado, o presidente francês, Emmanuel Macron diz-se "profundamente chocado com este ataque odioso"; envia condolência em nome do povo francês e afirma que "a França está com o povo japonês".

"Chocado e profundamente entristecido" é como o chanceler alemão, Olaf Scholz, diz sentir-se, afirmando "Estamos ao lado do Japão nestes horas difíceis".

O sentimento é partilhado pela família europeia, em Bruxelas, que observa, com pesar, a bandeira a meia haste na embaixada do Japão.