Vencedores e vencidos das eleições italianas

Access to the comments Comentários
De  euronews
Italianos elegeram novo Governo
Italianos elegeram novo Governo   -   Direitos de autor  Antonio Calanni/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved   -  

A divisão entre vencedores e vencidos das eleições italianas parece menos clara do que o esperado.

A vitória esmagadora da coligação de centro-direita, há muito anunciada nas sondagens, não ofusca o colapso eleitoral da Liga de Matteo Salvini. Nas eleições europeias de 2019, a Liga foi o partido mais votado com 34% dos votos. Pouco mais de três anos depois, a Liga obtém apenas cerca de 9%, devido à perda de votos para o partido conservador de direita de Giorgia Meloni. Um resultado que pode levar a alterações na liderança.

Quem está a consolidar a sua base eleitoral é Silvio Berlusconi. Os 8% obtidos pelo Forza Itália podem reforçar o peso da direita moderada num possível governo liderado por Giorgia Meloni.

O Movimento 5 Estrelas de Giuseppe Conte é o terceiro partido mais votado em todo o país, com 15%, apenas 4% atrás do Partido Democrático, principal partido da oposição. O ex-primeiro-ministro conquistou muito apoio no Sul do país, em parte graças à popularidade de algumas das medidas aprovadas quando estava no governo.

Muitos se perguntam o que acontecerá ao caráter anti-establishment atribuído pelo fundador do movimento Beppe Grillo, agora que Conte deu uma imagem mais moderada ao partido.

Um dia depois das eleições, o ex-primeiro-ministro Enrico Letta abandona a liderança do Partido Democrático, que não teve mais de 20% dos votos como era esperado. Letta falou de "um dia triste para o país e para a Europa" por causa da vitória da direita.