Mais um recorde para Ronaldo e triunfo de Portugal sobre o Gana a abrir o Mundial

Cristinao Ronaldo celebra mais um recorde
Cristinao Ronaldo celebra mais um recorde Direitos de autor AP Photo/Hassan Ammar
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A equipa das quinas chegou a estar a ganhar por 3-1, acabou a sofrer, mas sai na frente do grupo H. O Brasil também ganhou à Sérvia e lidera o G.

PUBLICIDADE

"Eu não persigo recordes. Os recordes perseguem-me a mim", afirmou recentemente Cristiano Ronaldo e aí está mais um, na estreia de Portugal no Mundial de futebol do Qatar.

O capitão da seleção nacional é, aos 37 anos, o primeiro jogador a marcar em cinco Mundiais de futebol. Aconteceu de penálti, no Qatar, no Estádio 974, onde Portugal sofreu para levar de vencida, por 3-2, uma aguerrida equipa do Gana.

Fernando Santos demorou a mexer e quando o fez, já depois do empate conseguido por Andre Ayew num lance muito consentido pela defesa lusa, Portugal disparou até aos 3-1, com golos do até aí apagado João Félix e pelo recém-entrado Rafael Leão. Ambos a passe de Bruno Fernandes.

O Gana ainda reduziu, por Osman Bukari em mais uma má abordagem da defesa portuguesa, de novo pela direita da defesa, mas o triunfo já não fugiria e fica associado à estreia a marcar em Mundiais de Rafael Leão. Um triunfo que vale para já a liderança do grupo H.

No outro jogo do grupo, Uruguai e Coreia do Sul não foram além de um empate a zero, o quarto neste Mundial do Qatar.

Com Heung-Min Son a jogar protegido por uma máscara, o jogo foi muito dividido, mas teve mais Coreia. A estratégia montada pelo treinador português Paulo Bento era claramente marcar cedo, mas falhou.

O Uruguai fechou a primeira parte a acertar no poste por Godín e voltaria a faze-lo na segunda parte por Valverde, mas o jogo ficou-se por aí.

Na próxima jornada, na segunda-feira, o líder do grupo H, Portugal, defronta o Uruguai e a Coreia, de Paulo Bento, o Gana.

No outro grupo do dia, o G, o Brasil impôs-se 2-0 sobre a Sérvia. Dois golos de Richarlison, o segundo uma obra de arte, colocam a "canarinha" no bom caminho.

Na outra partida do grupo, a Suíça levou de vencida os Camarões. Marcou Embolo, jogador curiosamente nascido na capital camaronesa e que, por isso, não celebrou.

Na próxima jornada, Brasil e Suíça vão tentar garantir o primeiro lugar na próxima fase, bastandoi a ambos uma vitória. Sérvia e Camarões vão jogar pela sobrevivência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

França, Austrália, Argentina e Polónia seguem em frente no Mundial 2022

Mitrovic destaca ambiente nos jogos e antecipa mais estrelas na Liga saudita

Brasil e Croácia nos quartos-de-final