EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Barcelona: As novidades do Mobile World Congress 2017

Barcelona: As novidades do Mobile World Congress 2017
Direitos de autor 
De  Patricia Cardoso com Reuters, EFE
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Até 2 de março, a cidade de Barcelona é a capital das comunicações móveis.

PUBLICIDADE

Até 2 de março, a cidade de Barcelona é a capital das comunicações móveis. O Mobile World Congress reúne, este ano, 2200 expositores e mais de 100 mil profissionais. É o local de todas as novidades tecnológicas, embora uma das vedetas, este ano, seja um clássico.

Começa hoje o #Mobile World Congress 2017 e este ano traz uma surpresa nostálgica: o #Nokia 3310 está de regresso! https://t.co/3sKX9lqHtT

— Mobile Marketing (@MMarketingPT) 27 de fevereiro de 2017

Para lá de três novos smartphones, a Nokia relança o 3310. Dezassete anos depois, o aparelho é um dos mais vendidos de sempre.

A nova versão, a 49 euros, estará disponível em várias cores, com uma bateria de longa duração e o jogo “Snake”.

Já a Sony apresenta o seu novo aparelho topo de gama, o Xperia XZ Premium, com captura de vídeo em super slow-motion. É o primeiro smartphone com ecrã 4k HDR. O dispositivo, resistente à água, permite ainda transferências ultrarápidas.

Nokia 5, running the latest Android OS with a 13MP camera and Gorilla glass all in the palm of your hand. #MWC17pic.twitter.com/I9Gcjb162g

— Nokia Mobile (@nokiamobile) 26 de fevereiro de 2017

A Samsung, a fazer face ao dispendioso fracasso do Note 7, não trouxe desta vez grandes novidades a Barcelona. A empresa sul-coreana apostou nos tabletes Galaxy TabS3 e o Galaxy Book, no reforço da tecnologia 5G e em dispositivos de realidade virtual.

O Galaxy S8 foi anunciado para 29 de março.

O novo lápis da SamsungMobile</a> e outras novidades no primeiro dia do <a href="https://twitter.com/hashtag/MWC17?src=hash">#MWC17</a> ➡️ <a href="https://t.co/QxRLsu0iVB">https://t.co/QxRLsu0iVB</a> <a href="https://t.co/yLy5tV7XSf">pic.twitter.com/yLy5tV7XSf</a></p>&mdash; ECO Economia Online (ECO_PT) 27 de fevereiro de 2017

O espaço deixado vago pela Samsung é aproveitado pela chinesa Huawei, que lançou em Barcelona dois modelos de smartphones e o novo relógio digital.

Na feira há ainda espaço para as novidades no setor automóvel, na robótica e na área dos drones.

Mobile World Congress 2017 Day 1: Virtual reality, driverless/electric cars, and artificial… https://t.co/HdiBG6Mabq#mobile#digitalpic.twitter.com/pVkiKKnjJP

— Jaime Gutiérrez  (@jaguti80) 27 de fevereiro de 2017

Espera-se que os negócios, durante o evento, superem 460 milhões de euros.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

MWC: Telemóveis não foram reis em Barcelona... à parte do 3310

Alternativa ao lítio: Pode o manganésio substituir as baterias de lítio dos veículos elétricos?

Banco Central Europeu corta taxas de juro em linha com as expetativas do mercado