EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Perpetuar a memória da I Guerra Mundial

Perpetuar a memória da I Guerra Mundial
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Um casal francês coleciona, há 20 anos, objetos relacionados com a I Guerra Mundial, para que os efeitos catastróficos do conflito não se apaguem da memória dos homens.

PUBLICIDADE

Com as comemorações do centenário do fim da Primeira Grande Guerra, são muitas as iniciativas para perpetuar a memória dos nove milhões de combatentes e sete milhões de civis que perderam a vida entre 1914 e 1918.

Mas, na casa de Serge e Chantal Giudice, em França, essa memória é perpetuada há 20 anos com uma coleção de mais de três mil objetos. Um verdadeiro regresso ao passado.

Para além da nossa paixão pelo artesanato das trincheiras, é óbvio que 14-18 não representa só isso. Houve inúmeros mortos nesta Guerra. De certa forma, os manequins, com os uniformes - que são uniformes que foram usados pelos soldados - completam esta coleção que prezamos tanto", diz Serge Giudice. Chantal acrescenta: "É estranho que sejam já cem anos, mas estou feliz por poder comemorar este centenário. Fazemos uma exposição, onde poderemos partilhar com as pessoas a nossa coleção e a nossa paixão"

 

É no dia 11 de novembro que o mundo comemora o fim da pior guerra de sempre. Aquela que ficou conhecida na altura como "a guerra que deveria acabar com todas as guerras".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Governo britânico admite racismo na Primeira Guerra Mundial

Centenário do Armistício assinalado com grande desfile militar em Lisboa

Art Paris 2024: a cena artística francesa no centro das atenções, com jovens talentos em destaque